Empresas desenvolveram, em conjunto, compósitos de fibra de madeira moldável 3D, permitindo a criação de novas opções de design

A SONAE ARAUCO e a BASF receberam, no mês passado, o prémio de Inovação AVK na categoria de "Produtos inovadores/compósitos ou aplicações", com um produto desenvolvido em conjunto por ambas as marcas: os compósitos de fibra de madeira moldável 3D. Esta distinção deveu-se ao facto de se tratar de um produto diferenciador, que fornece à indústria de mobiliário um compósito estável que permite o processamento por moldagem a quente. 


Os compósitos de fibra de madeira moldável 3D são um produto inovador produzido à base de madeira e com a particularidade de ser pós-moldável. Têm como origem a nova tecnologia de aglutinantes da BASF, a acForm.


Devido à composição específica da fibra aglutinante, o novo compósito permite que todos os três eixos espaciais sejam formados em simultâneo.


Além disso, a Product Development Manager da Sonae Arauco garante que a utilização da acForm permite “maior produtividade e uma redução de custos para os clientes, quando comparados com os atuais processos embutidos convencionais, tais como madeira compensada, painéis profundamente enraizados e HDF dobrado”. Adelaide Alves assegura ainda que a acForm possibilita “aplicações exaustivas em todos os segmentos do mercado de móveis e construção". Com estas alternativas, a Sonae Arauco oferece novas opções de design para a indústria de mobiliário com moldagem 3D.